quinta-feira, 30 de janeiro de 2014

Funcionária do McDonald’s traficava heroína junto com McLanche Feliz


Uma funcionária de uma franquia do McDonald’s foi presa por vender heroína dentro das caixas do produto McLanche Feliz, informa a rede CNN nesta quinta-feira. Shantia Dennis, de 26 anos, trabalhava em uma loja da lanchonete na cidade de Pittsburgh, no oeste dos Estados Unidos. Para os clientes que queriam comprar a droga, bastava passar no ‘drive-tru’ do McDonald’s e falar a ‘senha’: “eu gostaria de um brinquedo”.

O McLanche Feliz é um produto voltado ao público infantil e sempre vem com um pequeno brinquedo junto com o lanche. Nos EUA, o produto custa 2,99 dólares. Porém, com a heroína ‘de brinde’, o McLanche Feliz saia por 82 dólares. A traficante foi presa em uma operação com policiais à paisana fingindo serem consumidores – eles pediram um McLanche Feliz usando a ‘senha’ e encontram dez pacotinhos de heroína dentro da caixa colorida. A funcionária foi presa em flagrante e, durante a busca, os policiais ainda encontraram outros 50 saquinhos de heroína. Procurado pela CNN, o McDonald’s recusou-se a comentar o caso.

Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve