segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Homem que diz ter explosivos faz refém em hotel; local é esvaziado em Brasília

Foto: (Gabriel Castro/VEJA)
Um homem que alega estar armado com explosivos faz refém nesta segunda-feira um funcionário do Hotel St. Peter, no Setor Hoteleiro Sul de Brasília. O local foi esvaziado e o perímetro que cerca o estabelecimento está cercado pela polícia. Homens do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar do Distrito Federal já estão dentro do hotel. Do lado de fora, estão agentes do Corpo de Bombeiros, do Grupo de Ações Especiais da PM, do Esquadrão de Bombas e das polícias Civil e Militar.

Segundo funcionários do hotel, o homem estava hospedado no estabelecimento, mas não se trata de um hóspede regular. Por volta das 9 horas desta segunda, ele imobilizou o funcionário, um mensageiro de cerca de 60 anos, no 13º andar do prédio e bateu à porta de outros hóspedes dizendo ser um terrorista. Com a chegada das autoridades, todos os hóspedes e funcionários foram obrigados a deixar o local. Segundo a Polícia Civil, o homem aparentemente sofreu um surto.

Com certa frequência, o sequestrador aparece com o refém na sacada de um dos apartamentos. O funcionário está algemado e veste um colete onde, aparentemente, há explosivos. O formato dos objetos assemelha-se ao de dinamite, mas não é possível ter certeza de que se trata do artefato. O hotel é um dos mais importantes de Brasília e fica à beira do Eixo Monumental, a via mais importante da capital federal.

Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve