quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Saneamento avança, mas 23 milhões dos lares não têm rede de esgoto




O Brasil conseguiu interligar 1,5 milhão de domicílios à rede coletora de esgoto em 2013, mas o número de lares sem o serviço ainda é de 23,2 milhões, segundo a Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) 2013, divulgada nesta quinta-feira (18) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas). De acordo com o levantamento, a proporção de domicílios com acesso à rede coletora de esgoto passou de 63,3%, em 2012, para 64,3%, em 2013, chegando a 41,9 milhões de unidades.


Entre os moradores que não têm acesso à rede de esgoto, 12,4% têm fossa séptica regular sem ligação à rede. Outros 18% dos domicílios têm fossa rudimentar, e 2,8% usam outro tipo artesanal de esgotamento. Já 1,5 milhão dos domicílios –2,4% do total-- não possuem nenhum tipo de esgotamento, sendo 1,05 milhão apenas na região Nordeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve