quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Mulher ateia fogo em marido que se recusou a comprar casa na praia



A Polícia Civil está à procura de uma empresária suspeita de atear fogo no marido, na zona leste da capital. A briga entre o casal teria começado porque a vítima se recusou a dar R$ 150 mil para a suspeita comprar uma casa na praia. O homem não resistiu aos ferimentos. 

O caseiro ainda contou que, em menos de três minutos, o empresário saiu da casa, virou para ele e disse: ela colocou fogo em mim! Em seguida, o homem caiu no chão. 

O resgate chegou em poucos minutos e levou o empresário a um hospital da região, mas ele não resistiu, Há cerca de dez anos, Ilza tentou atirar no marido. Ela chegou a responder por porte ilegal de armas, mas os dois continuaram juntos. O casal morava em uma casa dentro do pesqueiro. De acordo com a família, Ilsa tomava medicamentos controlados e, há três meses, tentou se matar. Além disso, ela era usuária de drogas.

O caso está sendo investigado no 53º Distrito Policial – Parque do Carmo. A polícia está em busca de mais informações e quer colher mais provas e depoimentos. Os investigadores pediram a prisão temporária de Ilza, que já é considerada foragida. Ela será indiciada por homicídio qualificado.

Foto: Reprodução/ Rede Record

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve