quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Sindipostos-RN externa sua preocupação com recentes medidas econômicas anunciadas pelo Governo Federal


NOTA OFICIAL DO SINDIPOSTOS – RN

O Sindicato do Comércio Varejista dos Derivados de Petróleo do Rio Grande do Norte (Sindipostos-RN) externa sua preocupação com as recentes medidas econômicas anunciadas pelo Governo Federal, com retomada da taxação do PIS e Cofins, além da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) nos referidos combustíveis.

As novas taxações impostas pelo Governo Federal, invariavelmente, trarão um reflexo negativo no mercado de combustíveis no Brasil sobre dois aspectos: pelo natural repasse dessa carga tributária ao preço final do produto (o que já foi anunciado pelas próprias distribuidoras, que implementarão os novos tributos aos seus valores) e pela retração no mercado consumidor.

Reflexo direto das medidas que incidem em aumento de preço é a queda no consumo, o que prejudica toda cadeia envolvida na revenda do produto: o empresário, os funcionários e a própria economia do Estado potiguar, que passa a arrecadar menos com os impostos estaduais.

O preço do combustível é livre, o mercado próprio de uma ampla concorrência, por isso mesmo, não se pode fazer qualquer tipo de previsão sobre os novos valores dos combustíveis.

Informações da Diretoria do Sindipostos-RN
Reprodução Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve