segunda-feira, 4 de maio de 2015

Kelps critica gestões de Robinson e Carlos Eduardo


Em entrevista ao programa Meio Dia Cidade, da 94 FM, o deputado Kelps Lima (Solidariedade) descartou qualquer possibilidade de acordo político e administrativo com o prefeito Carlos Eduardo Alves. Kelps afirma que o prefeito tem uma boa imagem, mas a avaliação de setores como transporte pública e saúde é negativa. O deputado e presidente regional do Solidariedade também não poupou a gestão do governador Robinson Farias, a quem acusa de ter boas intenções mas não ter projetos.

Kelps Lima afirmou os períodos das administrações de Carlos Eduardo Alves e Wilma de Faria somam 22 anos e que a única melhoria visível é no que diz respeito ao tratamento paisagístico e ajardinamento de algumas áreas da região sul da capital. E citou a Saúde como exemplo, dizendo que os postos de saúde continuam funcionando do mesmo jeito, sem controle de estoque e sem logística. Citou também que os problemas do transporte público continuam os mesmos há duas décadas, daí uma reprovação de 70%, conforme pesquisa Consult realizada em abril.

Kelps negou ter interesse em ser candidato a prefeito de Natal nas eleições do ano que vem e disse preferir fazer o papel de articulador para que o partido Solidariedade possa disputar as eleições municipais em todo o Estado.

SEM PROJETOS

O deputado e presidente do partido Solidariedade não poupou críticas à gestão do governador Robinson Faria. Disse que a administração não tem projetos e voltou a criticar o secretário de Desenvolvimento Econômico, Gustavo Nogueira, que propôs cobrar royalties sobre a produção de energia eólica. A proposta é inconstitucional e, segundo Kelps Lima, revela o desconhecimento do assunto por parte do secretário e a falta de projetos de quem assumiu o cargo três meses depois de iniciada a gestão.

A falta de um titular para a Secretaria de Administração também foi alvo de crítica do deputado, que isso revela um erro em razão da falta de estímulo e valorização do servidor público.

No final da entrevista, Kelps Lima sugeriu que o Governo do Estado deve propor à bancada federal do Estado que boa parte das emendas parlamentares sejam destinadas ao setor do Turismo. Ele acredita que o fato de o Estado contar com o ministro do Turismo, a alta do dólar que força o turismo doméstico e os bons efeitos de divulgação de Natal como uma das cidades-sede da Copa do Mundo de Futebol criam ambiente favorável para o investimento no turismo como forma de alavancar a economia.



Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve