sexta-feira, 29 de maio de 2015

Receita diz que investiga, desde 2002, fraudes de R$ 4 bi no futebol brasileiro


A Receita Federal informou nesta sexta-feira (29) que investiga fraudes no futebol brasileiro há mais de uma década.

Sem citar nomes -alegando sigilo fiscal-, o órgão afirmou que identificou irregularidades envolvendo inclusive alguns dos envolvidos na operação promovida a pedido da Justiça americana na Suíça, que colocou na cadeia o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, e outros seis dirigentes da Fifa.

Segundo a Receita, foram feitas três operações especiais desde 2002, em que foram investigadas 96 pessoas e empresas ligadas ao futebol no país. Essas auditorias resultaram na cobrança de R$ 4,47 bilhões em tributos, multas e juros.

A área de Inteligência da Receita acionou o fisco norte-americano (Internal Revenue Service) para ter mais informações e possíveis novas provas contra esses investigados e demais envolvidos em fraudes

Folha Press

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve