domingo, 27 de setembro de 2015

Morta há 31 anos’ reaparece e acaba presa





Em julho de 1984, um homem disse que havia matado Petra Pazsitka em Braunschweig (Alemanha). O corpo nunca apareceu e, durante 31 anos, a alemã foi dada como morta.

Recentemente, Petra “ressuscitou”. Ela tem 55 anos e vivia em Düsseldorf (Alemanha).

Petra foi descoberta após chamar a polícia por causa do arrombamento da sua residência. Ela vivia com outro nome e era conhecida apenas como Senhora Schneider.

Nas últimas três décadas, Petra não tinha qualquer documento oficial e conta bancária. Ela fazia todos os seus pagamentos com dinheiro vivo, oriundo de “atividade ilítica”, segundo a polícia.

A mãe e o irmão de Petra ainda estão vivos, mas, de acordo com o “Metro”, a alemão não quer contato com parentes. Petra não explicou por que desparecera por tanto tempo.



O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve