terça-feira, 23 de agosto de 2016

Sesap define empresa de vigilância que atuará em regime emergencial


Nesta terça-feira (23), foi definida na Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), a empresa habilitada a prestar os serviços de vigilância armada que será contratada em caráter emergencial para suprir 336 postos de trabalho com funcionamento 24h nas unidades hospitalares e de referência da rede pública do estado, bem como no prédio sede da Sesap e nas unidades regionais de Saúde.

De acordo com a proposta vencedora, apresentada pela Interfort Segurança de Valores Ltda, o valor mensal a ser cobrado pelos serviços será de R$ 1.531.611,96, o que corresponderá a um total geral para 180 dias de R$ 9.189.671,76.

A outra empresa concorrente foi desclassificada, por não atender a todas as exigências do Ofício e Termo de Referência. Participaram da sessão coordenadores, subcoordenadores e técnicos da Sesap, além do presidente do SINDSEGUR e dos representantes das empresas concorrentes.

Segundo o subcoordenador de Serviços Gerais da Sesap, Marcelo de Moraes, o processo de contratação seguirá os trâmites legais para que a empresa comece a atuar. Da Sesap, o processo será encaminhado para a Controladoria Geral do Estado (Control), onde serão verificadas as planilhas orçamentárias apresentadas pela empresa vencedora.

Paralelamente, será aberto um processo licitatório pela Secretaria de Estado da Administração e Recursos Humanos (Searh), para contratação de uma empresa de vigilância armada.



Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve