terça-feira, 5 de setembro de 2017

Dono da JBS e executivo afirmam que mentiram em conversa gravada


Em nota divulgada na noite desta terça-feira, o dono da JBS Joesley Batista e o diretor de relações institucionais da J&F, Ricardo Saud, afirmam que “não guardam nenhuma conexão com a verdade” as citações ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e aos ministros do Supremo Tribunal Federal nas gravações, divulgadas hoje, de conversas entre os dois.

“Não temos conhecimento de nenhum ato ilícito cometido por nenhuma dessas autoridades. O que nós falamos não é verdade, pedimos as mais sinceras desculpas por este ato desrespeitoso e vergonhoso e reiteramos o nosso mais profundo respeito aos Ministros e Ministras do Supremo Tribunal Federal, ao Procurador-Geral da República e a todos os membros do Ministério Público”, diz a nota.



O Globo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve