segunda-feira, 15 de abril de 2019

Existe restrições para quem tem barba e pele oleosa? Saiba aqui!



Tem muito cara que sempre se pergunta se tem algum problema cultivar a barba em pele oleosa, e se isso afeta o crescimento ou a aparência dela. Bem, amigo, já podemos adiantar que não há nenhum tipo de restrição.

No entanto, dependendo do nível de oleosidade e da falta de certos cuidados básicos com o rosto e com os fios, aí sim, a barba por ter dificuldade para crescer, além de apresentar um aspecto não muito legal.

Então, o que fazer nesses casos? Foi pensando na dúvida desses barbudos de pele oleosa, que resolvemos preparar este miniguia com dicas de cuidados especiais que você pode adotar no dia a dia, além de indicar produtos infalíveis para a saúde da sua tão querida barba! Bora conferir?

O que tem a ver barba e pele oleosa?



Amigo, cada organismo tem as suas características próprias — e podemos encontrar de tudo por aí. É careca com caspa, “desbarbado” com irritações no rosto, barbudo com pele seca e até outros com muita oleosidade.

Tudo isso pode ser consequência de uma série de fatores — que não é bem o foco aqui —, como alimentação, excesso de sol, pouca ou muita hidratação, falta de cuidados, genética etc.

Apesar disso, uma coisa que podemos afirmar é que a barba oleosa tem uma ação direta sobre a pele. Muita gente se pergunta se os pelos ajudam a controlar essa oleosidade e a resposta é: não! Pelo contrário, camarada! Normalmente, os fios estimulam as glândulas sebáceas, e o próprio volume no rosto pode aumentar a oleosidade!

Mas, antes que você desista e queira arrancar a barba toda (o que, certamente, não vai resolver o problema), separamos algumas dicas infalíveis para você testar e acompanhar o resultado. Portanto, guarde o barbeador, porque tem jeito para tudo!

Como cultivar a barba em pele oleosa?
Na hora de lavar

Todo barbudo precisa cuidar bem da pele e dos seus fios. Já o cara que tem pele oleosa, deve dobrar esse cuidado! Afinal, em certos casos, um dia sem lavar já é o suficiente para o rosto ganhar aquele aspecto, digamos, seboso.

Quem se preocupa com a aparência, com certeza, vai estar sempre atrás de uma solução e, principalmente, de uma pia para lavar o rosto!

Porém, de nada adianta contar com essa alternativa, se não estiver utilizando os produtos corretos. Sendo assim, confira a pequena lista que preparamos e trate de incluir esses itens em sua nécessaire. 

Se liga!

sabonete — existe uma infinidade de sabonetes para a pele oleosa, tanto em gel, como em barra. Mas falamos para a pele, ok? Portanto, isso não inclui a barba, amigo! Prefira lavar o rosto sempre em frente ao espelho, fazendo movimentos circulares e massageando a pele por alguns minutos e com água fria. Feito isso, seguimos para a barba;

shampoo para a barba — a região mais afetada com a oleosidade, certamente, é por baixo do volume dos fios. Ao mesmo tempo que o sabonete é bom para a pele, não é o indicado para os pelos. Por isso, é fundamental contar com um shampoo específico para barba. Afinal, esse produto tem ação direta nos poros, controlando as glândulas, sem abrir mão da hidratação que sua barbinha tanto precisa;
água fria — como indicamos acima, o uso da água fria durante o banho é mais indicado para quem tem barba em pele oleosa. Isso porque o vapor ou uma temperatura mais alta estimulam ainda mais a abertura dos poros e pode aumentar a oleosidade do rosto.

Depois do banho


Calma, irmão! As dicas não acabam no banho, não! Ao usar o sabonete para pele oleosa, provavelmente, você vai sentir a sensação contraria ao que está acostumado — ou seja, de ficar com o rosto mais seco e, algumas vezes, até ressecado.

Isso é normal, pois o produto faz isso mesmo! Para você não achar que está virando um crocodilo, basta seguir as dicas abaixo!

esfoliante — outro cosmético masculino indispensável é o esfoliante para o rosto. Ele é essencial para combater essa sensação que acabamos de exemplificar acima, quando a pele se encontra seca demais pelo uso do sabonete ou muito oleosa. Afinal, o produto age, justamente, para retirar os excessos e renovar a saúde dos poros, e, de quebra, dar aquela perfumada no rosto;

balm — assim como a pele, os fios também precisam ser cuidados no pós-banho. O mais indicado para a barba é o balm, produto indispensável no armário de todo barbudo de respeito. Ele ajuda a fixar os pelos, a dar uma aparência melhor e, principalmente, é fundamental para hidratar a barba, mesmo em peles muito oleosas.
Na hora de barbear

Quem tem barba em pele oleosa ainda encara outra dor de cabeça: a hora de barbear! Afinal, a oleosidade é grande aliada para estimular espinhas, cravo e outras paradinhas desagradáveis que as lâminas adoram arrancar sem querer e arruinar a sua aparência!

Portanto, nessa hora, é imprescindível contar também com cosméticos específicos para garantir o controle das glândulas, hidratar a pele e deixar a navalha igual manteiga. Anota aí!

gel para barbear — se você é daqueles ogros que insistem em fazer a barba com espuma de sabão, está pedindo para ficar feio, né? Com todo respeito, brother! O gel de barbear é item fundamental no nécessaire de qualquer barbudo, e sua ação na pele é infalível para evitar irritações e manter os níveis de oleosidade;

pós-barba — mesmo com toda a ação do gel, lembre-se de que você está passando uma navalha afiada no rosto — e a pele acaba sofrendo. Para isso, existe o “carinho” pós-barba. Esse creme ajuda a fechar os poros, hidrata e evita aquela cara de pimentão vermelho depois de barbear.

Enfim, ter barba em pele oleosa não é nenhum problema, desde que você seja um cara cuidadoso e tenha o arsenal perfeito. Agora, amigo, não adianta querer economizar em produtos de segunda linha, pois, o barato vai sair caro — sempre! Oleosidade é chata, mas tem solução e cosmético para isso!

Barba de Respeito