quinta-feira, 13 de fevereiro de 2020

Comunidades em Pipa, Tibau e Baía Formosa contestam veracidade de coronavírus


Com a suspeita ainda não confirmada do 1º caso de coronavírus no Rio Grande do Norte pela Secretaria de Estado da Saúde Pública(Sesap), que aguarda exames do paciente de 25 anos internado no hospital Giselda Trigueiro na quarta-feira (12), circulam nas redes sociais questionamentos quanto a veracidade do quadro. Entre os debates, as dúvidas sobre a versão apresentada e o dimensionamento.

Noticiado nesta quinta-feira(13), de acordo com informações de uma unidade hospitalar, o homem diz que teria tido contato com um grupo de chineses que estava em Pipa, no litoral sul do Rio Grande do Norte. Na ocasião, a suspeita só foi levantada em uma consulta de rotina, no momento de uma triagem, em que o jovem, que não é da região do litoral sul, comentou com o médico.

O paciente se encontra em uma bateria de exames. A Sesap, a partir dos resultados, fará um posicionamento oficial.

Do Blog do BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu Comentário será exibido em Breve